Busca

ESCUTA.

Tag

Rafael Betencourt

Escola sem máscaras

Rafael Betencourt*

O amor é a emoção central na história evolutiva humana desde o início, e toda ela se dá como uma história em que a conservação de um modo de vida no qual o amor, a aceitação do outro como um legítimo outro na convivência, é uma condição necessária para o desenvolvimento físico, comportamental, psíquico, social e espiritual normal da criança, assim como para a conservação da saúde física, comportamental, psíquica, social e espiritual do adulto. Num sentido estrito, nós, seres humanos, nos originamos no amor e somos dependentes dele. Na vida humana, a maior parte do sofrimento vem da negação do amor: nós, seres humanos, somos filhos do amor”  Humberto Maturana Continuar lendo “Escola sem máscaras”

Bolsonarismo : O desafio pela nossa natureza

Rafael Betencourt*

“Os maiores problemas do mundo são resultado da diferença entre como a natureza funciona e como as pessoas pensam.” ( Gregory Bateson)

 

Em sete meses de governo o presidente Bolsonaro tem acumulado grandes intempéries para os admiradores da democracia e dos direitos humanos. Uma em particular traduz a urgência e desesperança  que o mundo todo sente ao acompanhar seu governo: o ataque às florestas.  O último embate político do presidente foi contra os dados científicos do INPE( Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) que indicavam um aumento de 40% do desmatamento na Amazônia em relação ao ano passado. Continuar lendo “Bolsonarismo : O desafio pela nossa natureza”

Larguem os cestos

Rafael Betencourt*

“ Infelizes as crianças que sempre só comeram cerejas dos cestos e não conheceram a alegria vivificante de quem se agarra aos ramos e colher conforme sua necessidade! Continuar lendo “Larguem os cestos”

Um país de sem-terras

Rafael Betencourt*

“… Senhores Barões da terra

Preparai vossa mortalha.

Chegado é o tempo da terra Continuar lendo “Um país de sem-terras”

A agrofloresta e o retorno dos cossacos

Rafael Betencourt*

“Compreendendo toda a distância que havia entre si, as montanhas e o céu, toda a vastidão das montanhas, e sentindo toda infinitude dessa beleza, assustou-se como se fosse uma visão, um sonho(…) Continuar lendo “A agrofloresta e o retorno dos cossacos”

A esperança e o fardo de Simón Bolívar

Rafael Betencourt*

No dia 7 de janeiro deste ano, o recém empossado presidente da Assembleia Nacional Venezuelana Henry Ramos Allup  ordenou que retirassem da Assembleia quadros e retratos do ex-presidente Chávez e de Simon Bolívar. O protesto por parte do governo do presidente Maduro foi imediato. Continuar lendo “A esperança e o fardo de Simón Bolívar”

Na sombra dos Andes

Rafael Betencourt*

Serra X Costa

No dia 24 de junho de 1911, o arqueólogo americano Hiram Bingham  se aventurava pelo alto Peru, na região do vale do rio Urubamba, com o objetivo de encontrar a última capital dos incas depois da invasão espanhola, a cidade de Vilcabamba. A subida repleta de perigos e adversidades lhe rendeu a maior descoberta arqueológica do Peru, a cidade de Machu Picchu. Continuar lendo “Na sombra dos Andes”

Sindicalismo e Estado na terra de Tupac Katari

Rafael Betencourt*

No último dia 21 de fevereiro deste ano, o presidente aymara Evo Morales encarou sua primeira grande derrota  eleitoral em  dez anos de  governo no  Palacio Quemado . Em um referendo convocado pelo próprio governo, o povo boliviano decidiu em maioria por negar a proposta de mudança constitucional para possibilitar uma nova candidatura da chapa Evo / Linera  para um quarto mandato. Continuar lendo “Sindicalismo e Estado na terra de Tupac Katari”

WordPress.com.

Acima ↑